Lua Nova em Escorpião

Lua Nova em Escorpião

por Amanda Martins

 

Chega-se a um novo ciclo no dia 07 de novembro de 2018, às 2h02min (horário de verão) com a Lua Nova no signo de Escorpião. É tempo de recolhimento e de silêncio. Tempo de ouvir os sons internos e os possíveis conflitos existentes dentro de si para renascer mais forte em um novo dia. A Lua Nova é aquela fase da plantação, do lançamento das sementes no solo, onde a vida é promessa. E há nessa promessa um tempo de espera; de deixar que essas sementes acordem e se abram na terra úmida e fértil da vida, ainda que haja vários desafios de confiar no florescer da existência, próprios de uma Lua em Escorpião.

Esse terreno está fértil com Lua e Sol em bom aspecto com Plutão e Netuno, o qual fala de conexão e instinto de sobrevivência apurado. Há uma possibilidade de boa relação com os próprios sentimentos e emoções, formando uma base sólida para as estruturas emocionais. Assim, ainda que haja controle, dúvida e medo, há espaço para a conexão com o sutil, com a fé e com o sagrado.

Uma boa forma de exercitar e fazer contato com o sensível é iniciar ou retomar um processo criativo, um trabalho manual, uma pintura, uma mandala, um bordado… Fazer algo que leve você para esse lugar que tem espaço para a criação, para o coração, para a expressão da sua alma. Exercitar esse seu lado pode trazer uma expansão de consciência que lhe levará a lugares novos dentro de você. Pode ser que nesse momento, novas ideias surjam, fique atento a elas. Talvez você esteja procurando novos propósitos ou se questionando sobre os rumos da sua vida. Deixar seu lado criativo brotar, dar espaço a ele, pode fazer você tomar consciência desses novos caminhos.

Estejamos atentos, nesse momento, àquilo que nos rodeia, às intuições, aos sonhos, aos sentimentos; eles podem nos dar pistas a respeito da melhor direção de nossos passos.